sábado. 10.12.2022

CIM Alto Minho e CEVAL realizam ação de benchmarking e internacionalização à Dinamarca e Suécia para promover a região e captar investimento

A comitiva do Alto Minho, composta por autarcas e dirigentes associativos empresariais da região, foi recebida no primeiro dia na State of Green, a mais reputada instiruiçao dinamarquesa dedicada à disseminação da tecnologia verde que tem feito da Dinamarca pioneira na eficiência energética e aproveitamento de recursos ao nível mundial.
A comitiva do Alto Minho, composta por autarcas e dirigentes associativos empresariais da região.
A comitiva do Alto Minho, composta por autarcas e dirigentes associativos empresariais da região.

Realizada entre os dias 18 e 21 de novembro esta ação de benchmarking, ligada ao Cluster das Energias Renováveis, das Indústrias Criativas e Smart Cities teve como objetivo a troca de experiências e a partilha de boas práticas relacionadas com estes setores, bem como fomentar a integração da região do Alto Minho em redes e organizações internacionais que atuam neste domínio, potenciando e valorizando a região, os seus produtos estratégicos e a sua riqueza diferenciadora no que diz respeito a estas temáticas. 

 A comitiva do Alto Minho, composta por autarcas e dirigentes associativos empresariais da região, foi recebida no primeiro dia na State of Green, a mais reputada instiruiçao dinamarquesa dedicada à disseminação da tecnologia verde que tem feito da Dinamarca pioneira na eficiência energética e aproveitamento de recursos ao nível mundial.

A delegação do Alto Minho teve ainda oportunidade de reunir com o Embaixador de Portugal na Dinamarca, João Maria Cabral e Helga Moreira David, representante da AICEP em Copenhaga, com o objetivo de perceber de que forma estes organismos atual e incentivam as melhores empresas estrangeiras a investir em Portugal (e neste caso particular no Alto Minho) e contribuem para o sucesso das empresas portuguesas no estrangeiro nos seus processos de internacionalização ou atividade exportadora. 

No segundo dia da ação de benchmarking e internacionalização a comitiva visitou Malmö, na Suécia, para conhecer o trabalho desenvolvido no âmbito da promoção de ecossistemas inovadores e empreendedores. A Startup House of Malmö MINC foi criada pela cidade de Malmö em 2002 enquanto um dos primeiros programas de incubadoras e startups da escandinávia. O grupo de trabalho teve a oportunidade de observar e interagir diretamente com os responsáveis dos principais projetos desenvolvidos e percecionar lógicas de intervenção integradas com a comunidade e com a própria cidade.

Um dos locais visitados, antes do regresso a Copenhaga foi o Media Evolution City um dos mais conhecidos centros de indústrias digitais e criativas que apostam na sustentabilidade e económica circular. 

No último dia da ação de benchmarking e internacionalização à Dinamarca (Copenhaga) e Suécia (Malmö), a manhã começou com uma visita à Confederation of Danish Industry, a maior, mais representativa e influente organização de negócios e empregadores da Dinamarca, abrangendo manufatura e indústrias de serviços em setores como transporte, energia, TI, saúde, comércio e serviços profissionais, onde decorreu uma reunião de trabalho com o responsável da Danish Energy Industries Federation, Hans Peter Slente, que deu nota do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelo diversificado e elevado número de empresas e entidades envolvidas na transição verde da Dinamarca.

A iniciativa é particularmente relevante no atual contexto da crise energética, abrindo possibilidade de colaboração e de implementação de boas práticas ao nível da produção de energia "verde", com destaque para o enorme potencial desta região no que diz respeito à produção de energia eólica offshore. 
A Confederation of Danish Industry representa aproximadamente 19.000 empresas na Dinamarca, sendo o seu objetivo fornecer as melhores condições corporativas possíveis às empresas associadas em temáticas muito diversas que vão desde a energia, aos transportes, à produção, ao digital e às ciências ambientais. 

Estas Ações de Benchmarking e Internacionalização, iniciativa conjunta organizada pela CIM – Alto Minho e a CEVAL têm como principal objetivo dotar os agentes territoriais do Alto Minho das ferramentas necessárias para o incremento da Competitividade das suas regiões através de um conjunto de missões institucionais e reuniões com diferentes entidades europeias.
Por fim, dar nota que esta iniciativa foi apoiada pelo Norte 2020, no âmbito do projeto PA1. Marketing, Comunicação e Internacionalização da EEC PROVERE Minho Inovação.

CIM Alto Minho e CEVAL realizam ação de benchmarking e internacionalização à Dinamarca...
Comentarios