lunes. 15.07.2024

Completados no passado mês de Outubro dois anos da entrega duma imagem do Beato Francisco Pacheco na Igreja de S. António dos Portugueses em Roma, o grupo promotor da iniciativa vai voltar à capital italiana no âmbito da divulgação do culto e processo de canonização.

Assim, com o programa em elaboração, o Clube de Gastronomia de Ponte de Lima tem realizado contactos com entidades oficiais e particulares em Roma, para uma Festa ao Beato, no templo propriedade do Estado português, uma jóia do barroco na talha e na pedra, situado na sede do mundo católico.

De acordo com alguma informação disponível, a cerimónia ocupará dois dias: no primeiro, ao anoitecer, haverá um concerto na Igreja de S. António, pelo seu organista titular, Giampaolo Di Rosa,  no considerado “ órgão único no mundo”, composto por 2500 tubos. Segue-se um jantar-convívio com comida típica da Sardenha e prova de vinho loureiro de Ponte de Lima.

No dia seguinte, destaque para a missa solene no mesmo templo, celebrada por Mons. Agostinho Borges, Reitor e Adido eclesiástico da embaixada de Portugal junto da Santa Sé, coadjuado por Mons. Fernando Matos, Conselheiro eclesiástico também na missão diplomática. Na liturgia participarão entre outros, o embaixador de Portugal e comunidade portuguesa.

Ainda a enquadrar no programa da delegação de Ponte de Lima, está previsto uma visita ao Vaticano, integrando, especialmente a Basílica de S. Pedro, adoração do Santíssimo e túmulos dos Papas.

A delegação de Ponte de Lima ou do Clube de Gastronomia, é composta por: Fernando Fernandes, Alberto Silva, Joaquim Loureiro, Tito Morais, Armando Melo e António Sousa.

Festa ao beato Francisco Pacheco, em Roma, com Clube Gastronomia de Ponte de Lima
Comentarios